terça-feira, 27 de julho de 2010

ASSASSINATO EM CAMPINAS


Hoje faleceu a querida Cotonete, artista de Campinas...
Não foi uma morte como acontece todos os dias entre os héteros, uma batida de carro ou atropelamento.
ELA FOI ASSASSINADA A PAULADAS!
Eu me lembro de ir ao Espaço&Bar e ver show da Cotonete junto com a Rubya...
Mas a tadinha da Cotonete não existe mais.
Eu fico imaginando como um ser humano (se podemos considerá-lo assim) pode dar pauladas na cabeça de outro, seja gay ou hétero, até a pessoa desfalecer.
Eu fico imaginando se estas pessoas que odeiam os gays, travestis e lésbicas se pudessem matar a todos nós, eles matariam.
Eles acabariam conosco, assim como a gente deleta um texto no PC.
Estou muito triste. Tadinha da Cotonete!
Ela e nenhum de nós merecemos este ódio...

7 comentários:

Fernandez disse...

Lamentavel este tipo de violencia e com certeza a sociedade fica mais pobre com esta perda.

Introspective disse...

Que chocante. Eu não conheci essa figura, mas pela foto me pareceu muito simpática... Não consigo entender o que se passa pela cabeça de uma pessoa para matar outra a pauladas, qq que seja a situação. Um horror.

Soccer and Soccer disse...

é Lek....

Acoisa é feia mesma.

Todos estão sujeitos a não voltar para casa vivos.

Vamos seguir.... vamos seguir, é necessário lutar.

Abração

Soccer

Interior1982 disse...

Muito triste...

Marcelo Brado disse...

Vergonhoso.
Como alguém pode ter tamanho ódio de outra pessoa?
E essa notícia não vai pros jornais, né.
Devia mostra cara do(s) responsável.

Fernando disse...

Hoje em dia matar alguém seja lá de que forma for (atropelando, esfaquiando, a pauladas) não dá em nada, a vida humana perdeu o seu valor.

pokefan disse...

"Como alguém pode ter tamanho ódio de outra pessoa?"

Freud explica!